Aspirantes

  Dom Bosco disse: "O que somos é presente de Deus; no que nos transformamos é o nosso presente a Ele"

22 de nov de 2010

Catequese Liturgica 1 (Liturgia, Sacramento da Unidade)

“Ó Deus, pelos sinais visíveis dos sacramentos realizais maravilhas invisíveis”.

(Oração sobre a água, rito do batismo).


Liturgia, Sacramento da Unidade.

Termo de origem grega com significado primário: “obra pública”, ou seja, serviço da parte do povo e em favor do povo.

Reformulando: liturgia é a obra de Deus realizada pela Igreja e para a Igreja; obra/ ação/ serviço, pelo povo e para o povo; real pastoral, tendo em sua finalidade integrar todo o Corpo Místico de Cristo (batizados) em plena sintonia com Jesus Cristo.

A liturgia é sacramento da unidade, fonte de onde emana toda a força da Igreja, pois a realiza e a manifesta como sinal visível da comunhão entre Deus e os homens por meio de Cristo, é a primordial ligação do humano e do divino, do visível e do invisível que é expresso no rito.

Sacramento, pois a liturgia é sinal visível da realidade escondida do mistério, a obra da salvação que celebramos como Igreja, serva a imagem de Cristo Jesus, participando de seu sacerdócio.

A memória da bem-aventurada paixão, ressurreição e gloriosa ascensão, são os mistérios deste sacerdócio de Cristo por nossa salvação que revivemos em cada liturgia, a obra que se renova.

Vemos assim, quão grande é a importância de nossa real e sincera participação na liturgia, e como se faz cada vez mais necessário o ensino da liturgia nas diversas dimensões catequéticas, pois:

“Toda a celebração litúrgica, como obra de Cristo Sacerdote, e de Seu corpo (Igreja) é uma ação sagrada por excelência, cuja eficácia, no mesmo título e grau, não é igualada por nenhuma outra ação da Igreja”.


Autor: Magno Fonzar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...